quarta-feira, 25 de março de 2009

isso

Este não era o tema ideal para o meu primeiro post, porém tenho necessidade de dizer o que me vai na alma. Deparei-me comigo, hoje, a olhar para uma cambada de aleijados a tentarem fazer uma coisa tão impossível como por exemplo o Gay não ter comportamentos gay's: estavam eles (vejam só) a tentar jogar futebol.

Maluquinhos, aqueles meninos. Um deles (o guarda-redes) tinha um cabelo muito bonito e uma coragem admirável para conseguir sair de casa naquelas condições. Outro tinha umas aberturas (refiro-me a aberturas no contexto futebolístico, não a aberturas anais, claro que não, ora essa) que deixam qualquer um admirado. Esse mesmo moço queria também pedir ao árbitro o contacto telefónico, que desde já me disponibilizo para fornecer, já que o rapaz estava mesmo empenhado na adquirição do mesmo. Sendo assim, caso ele esteja a ler, aqui fica: 916357840.

Com o passar de tempo de jogo apercebi-me de que afinal aqueles rapazes da equipa adverária até davam uns toques. Até final do jogo deram um bonito "chocolate" (foi um serrano de Seia que me ensinou esta expressão - sim, Seia, essa terra onde as cabras não são confundidas com mulheres, NUNCA) à equipa do maravilhoso guarda redes, denominada de TUDO BEM. E mostraram uma bela jigajoga, com o capitão a evidenciar-se com movimentos fabulosos. Tiveram apenas falhas na finalização, muito por culpa de um guarda redes exímio entre os postes, com enorme classe e com um talento fenomenal para fazer tranças na sua barbicha. Um senhor do futebol, digo-vos eu!

Bom... mas eu, desconhecendo aquela equipa por completo, reparei que eram mágicos. Mágicos não só com a bola nos pés, mas também devido a outra magia que enchia o campo de beleza. Parecia que já há uns anos atrás se tinham encontrado naquele mesmo campo, a fazer o que mais gostavam. E durante esses anos foram aparecendo mais alguns, mantendo sempre o mesmo espírito, mas dando sempre algo de novo. E até hoje eles continuam grandes companheiros, amigos, irmãos... o que me cativou e me deixa extremamente feliz... por eles. Aquela é a equipa da minha vida, onde estão os melhores jogadores que até hoje conheci.





P.S.: Desculpem a lamechice toda, mas hoje sinto-me particularmente abichanado. Mais concretamente depois de beber água da mesma garrafa que um bad-boy de brinco e chuteiras verdes clarinhas que lá estava no recinto. Malditos vírus.

6 comentários:

Ranhoca disse...

ahahah

H-Raki disse...

São pessoas como o BadBoyDoBrinco que precisamos no nosso país! Com tanta moral íamos ser sempre os melhores !...

B.B.D.B. Moralez a Presidente da República !!!

Mau-r-à-dona disse...

Sabem que mais? Depois de ler este post sinto que se o vaipaselva tivesse uma equipa certamente que seria igual à que o El-Gordo descreve...

Alfacinha disse...

Briosa ale briosa ale aleeeeeeeeeeee!!!

Maldini disse...

Por certo..

Sabem o que é uma loira com uma trança? É um broche com pegas..

E se tiver uma barba farfalhuda? Pensem nisso..

espero_que_zita_seabra_para_o_antonio_perez_metelo disse...

As chuteiras eram fixes, eu achei... Quanto a essa equipa, destaco o guarda-redes com exibições de encher o olho =) sempre em sacrificio até ao último jogo onde sofreu um ou outro golo, mas atenção, estava já lesionado nesse jogo. óptimo jogador 5* escala: (5*-25*)

Publicidade

Para efeitos legais é importante explicar que o nosso site usa uma Política de Publicidade com base em interesses.