terça-feira, 17 de março de 2009

Ainda a propósito de mitras

"Não podemos julgar a parte pelo todo, assim como é errado julgar o todo pela parte.
São de facto um grupo de pessoas iguais entre si e diferentes das demais? São. Óptimo. São felizes assim. Não tem nada de mal.

Isto desde que não fique enraizada aquela mania de que, pelo menos ultimamente, se sou mitra tenho de ser um delinquente. Não sou eu que o digo. São amigos meus, mitras, que se sentem obrigados pelos outros mitras amigos deles a fazerem coisas que não estão correctas. Como se, para pertencerem ao grupo tivessem de fumar, beber e drogar-se. De faltar às aulas e assaltar pessoas. Mas é óbvio que há de tudo. Já conheci brancos bons e brancos maus, pretos bons e pretos maus... amarelos é que só conheci bons, porque só conheci um e era boa pessoa xD"

A propósito de imitar os exemplos. Num grupo mitra faço o mesmo que os mitras, num grupo beto faço o mesmo que os betos... deixo-vos com este anúncio. É muito bonito. Não deixem de ver até ao fim:


5 comentários:

Maldini disse...

oh.. =')

então é por isso que sou tão fixe..

Ranhoca disse...

infelizmente a vida é mesmo assim.. sem darmos conta moldamo-nos ao que acontece em nosso redor

temos de ser capazes de ver de fora o que ali está certo ou nao, n é fácil ta claro. Mas n é isso mesmo que distingue os mais dos menos capazes??

BONITO POST

quase na categoria de panisgas

Mau-r-à-dona disse...

Não falem em panisgas! Se o sr cláudio vê fala já em esmagamento de minorias :P

Ranhoca disse...

se ele for realmente o claudio ramos acho que acabámos de boicotar uma oportunidade única de entrar pela porta da frente dos blogs VIP!

Mau-r-à-dona disse...

Nada disso... Só estou a reportar-me a factos. A crítica que ele me fez foi a esse post, certamente...

Publicidade

Para efeitos legais é importante explicar que o nosso site usa uma Política de Publicidade com base em interesses.